Abel Braga já pensa na estreia da Sul-Americana contra o Liverpool (URU)

Foto: Nelson Perez / Fluminense FC
Foto: Nelson Perez / Fluminense FC

Depois de empatar por 1 a 1 diante do Flamengo, em Cariacica, no Espírito Santo, o técnico Abel Braga admitiu um gosto de derrota, já que o gol do rubro-negro saiu no final da partida. No entanto, Abel afirmou estar orgulhoso de seus jogadores, já que o tricolor não atuou com a equipe principal. Sem tempo para lamentar, o treinador já está de olho na Sul-Americana.

Nesta quarta-feira (05), o Fluminense volta a jogar no Maracanã. Na estreia da Copa Sul-Americana, a equipe vai enfrentar o Liverpool (URU), às 21h45 (de Brasília). Avaliando o adversário, o Abel Braga cobrou atenção de sua equipe já que o primeiro jogo é no Rio de Janeiro e a decisão da vaga em Montevidéu.

“É um time agressivo. Tem jogada perigosa demais, em cima do atacante, o homem mais avançado. O atacante é interessante, tecnicamente o melhor da equipe. Tem um volante, número 5, que joga pelo lado esquerdo, muito bom. Agora, tem a coisa que temos de saber superar. Bem posicionado, ter inteligência. Saber dosar intensidade. Por ser eliminatório, temos de conseguir uma vantagem. Nem que seja mínima. Não adianta pensar que vamos liquidar. Não adianta. Não pode pensar em ganhar de dois se não fizer o primeiro. Vamos ter de conscientizar os jogadores pois o fator casa pode não significar nada”, avaliou Abel Braga.

O setor sul do Maracanã, posicionado atrás de um dos gols, já está esgotado e a diretoria tricolor espera ter casa cheia para empurrar a equipe. A torcida do Fluminense também está organizando a montagem de um mosaico para o dia do jogo.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*