Abel espera dificuldade na altitude e diz que não prioriza a Sul-Americana

Foto: Nelson Perez / Fluminense FC
Foto: Nelson Perez / Fluminense FC

Depois de ter vencido o primeiro jogo contra a LDU do Equador por 1 a 0, o Fluminense vai até a altitude de Quito sabendo que precisa apenas de um simples empate para garantir a sua classificação à fase de quartas de final da Copa Sul-Americana. Para o jogo, o Flu deve ter o retorno de importantes atletas que não atuaram contra o Atlético-PR, no Campeonato Brasileiro.

Importante ressaltar que o atacante Henrique Dourado está suspenso e não atua. Além dele, Renato Chaves e Henrique seguem fora. Abel Braga espera um jogo bastante complicado para o seu time, mas garantiu que a Sul-Americana não tem maior peso para o Fluminense se comparada ao Campeonato Brasileiro.

“Vai ser difícil. Jogo na altitude fica muito rápido. Temos de aprender a ter dificuldade. Não se aprende nada com facilidade. Lá (em Quito) espero três jogadores (Lucas, Douglas e Orejuela)”, disse Abel, antes de completar que não poupou nenhum jogador no Campeonato Brasileiro. “Ninguém foi poupado, foram vetos dos médicos. Não estamos priorizando nada”, afirmou o treinador.

Se conseguir a classificação diante da LDU, o Fluminense vai aguardar o vencedor do confronto entre Flamengo e Chapecoense para saber quem vai enfrentar na próxima fase. O jogo do tricolor acontece nesta quinta-feira (21), às 19h15 (de Brasília).

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*