Após explosões em Dortmund, brasileiro do Monaco se solidariza com time alemão e jogador ferido

O jogo entre Borussia Dortmund e Monaco, que seria realizado ontem (11), precisou ser adiado pela Uefa por conta de um suposto atentado contra o ônibus que levava os jogadores do time alemão para o estádio. Ao todo foram três explosões e o zagueiro Bartra acabou sofrendo ferimento nos braços. A partida foi remarcada para esta quarta-feira (12), mas o clima de tensão ainda é muito grande.

O brasileiro Fabinho, que atua pelo Monaco, adversário do Borussia Dortmund nas quartas de final, falou sobre o episódio e o clima de insegurança. O jogador aproveitou para passar força aos jogadores adversário e principalmente para o espanhol que ficou ferido. De acordo com Fabinho, a partida será muito complicada principalmente pelo fator mental.

“A gente fica triste pelo que aconteceu. A gente dá muita força para a equipe do Dortmund. Sabemos que não é fácil isso que aconteceu, especialmente pelo medo dos jogadores e da comissão técnica que estavam no ônibus. Agora é dar muita força para o Bartra, em particular, porque ficou ferido. Vamos procurar descansar e nos preparar para esse jogo, que não vai ser fácil, principalmente para a equipe deles pelo fator mental, mas é procurar descansar”, declarou Fabinho.

O jogo está remarcado para às 13h45 (de Brasília) desta quarta-feira (12), no Westfalenstadion.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here