AquaRio recebe a exposição Seres Marinhos, do artista plástico Hermes Santos

Foto divulgação

Vinte peças que retratam as mais variadas criaturas marinhas — como o peixe Sailfish ou os delicados cavalos marinhos, lagostas gigantes e águas-vivas que projetam cores vibrantes de seus tentáculos — entram em exposição temporária, a partir 1º de julho, no Aquário Marinho do Rio de Janeiro. Feitas em resina à base d’água, as peças são assinadas pelo artista plástico e designer Hermes Santos, que utiliza a tecnologia de impressão em 3D para criar texturas, cores e formas elaboradas.

No lugar de materiais tradicionais, o artista tem na resina à base de água e no poliestireno suas matérias-primas. E assim como ocorreu na época do surgimento da fotografia, no final de século 19, as obras de Hermes Santos encantam por sua precisão e delicadeza, e vêm criando um debate sobre as fronteiras existentes entre a tecnologia e a arte.

— O fundo do mar sempre me fascinou e serviu de inspiração. A atmosfera do AquaRio cria um cenário em que as minhas obras e os animais marinhos se complementam, criando um diálogo harmônico que promete encantar o público — explica Hermes Santos.

A obra Turtle chegou dias antes para o Dia Internacional da Tartaruga Marinha
Um preview da grandiosidade das peças é a “Turtle”, tartaruga gigante de quase 1,5 metro de altura feita em aço inoxidável reciclado e que chegou dias antes em comemoração ao Dia Internacional da Tartaruga Marinha, em 16 de junho. Diferente das demais peças, que ficarão em exposição ao longo do circuito, a tartaruga ganhou destaque especial no AquaRio para lembrar sobre a importância da preservação da espécie e somar às atividades realizadas em parceria com o Projeto Tamar.

— Para o AquaRio, é sempre motivo de orgulho fazer parcerias com pessoas apaixonadas pela vida marinha. Esperamos surpreender nossos visitantes com a beleza e delicadeza das obras de Hermes Santos, criadas com a proposta de educar, sensibilizar e lançar luz sobre a necessidade de preservação da tartaruga marinha, do Projeto Tamar — afirma Marcelo Szpilman, diretor-presidente do AquaRio.

Peças eternizam o passeio
Um atrativo a mais são as miniaturas de algumas obras do artista, como o cavalo marinho e a tartaruga, e que podem ser adquiridas na loja do AquaRio, ao final do passeio. Todas as peças são exclusivas e numeradas.

A impressão em 3D, técnica já reconhecida como arte por espaços que são referência, como o Smithsonian Museum e o Metropolitan Museum of Art, nos Estados Unidos, e o Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo, foi adotada por Hermes Santos por conta de suas vantagens e qualidades (como precisão técnica) na hora de dar vida às obras.

Hermes Santos
Hermes dos Santos Filho nasceu em 1965, na Mooca, tradicional bairro de italianos em São Paulo, para onde migraram seus bisavós, naturais da Itália. Em 1986, seu pai, Hermes Maria dos Santos, que já havia trabalhado com modelagem e fundição, passou a contar com a ajuda de Hermes Santos, então com 22 anos. O amor pelas artes fez com que ele, desde 2013, passasse a se dedicar a este ofício. E foi também neste ano que Hermes Santos adquiriu um robô de 8 eixos para utilização nas esculturas. Desde então, nunca mais parou, permanecendo em constante movimento e evolução, assim como suas esculturas, um reflexo de seu universo interior.

SERVIÇO

Praça Muhammad Ali, Gamboa (em frente aos Armazéns 7 e 8), Rio de Janeiro

Ingressos a partir de R$ 40 (crianças e adolescentes de 3 até 17 anos, estudantes do estado do Rio de Janeiro e estudantes de outros estados — de 18 a 24 anos — pessoas com mais de 60 anos e portadores de deficiência

Moradores ou pessoas nascidas no Estado do Rio de Janeiro – R$ 60

Brasileiros de outros estados e estrangeiros – R$ 80

De 1º de julho a 31 de agosto

 

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*