BRBio apresenta paisagem imersa de Sandra Felzen no Centro Cultural Correios

Foto divulgação

O Centro Cultural dos Correios apresenta, até 24 de fevereiro, a exposição Paisagem Imersa, da artista plástica Sandra Felzen com o Instituto Brasileiro de Biodiversidade – BrBio. A mostra é integrada por 19 obras, entre pinturas e colagens, inspiradas no ecossistema costeiro marinho. “A exposição reúne os olhares, da criação e da ciência, sobre o mundo costeiro marinho e tem como objetivos instigar o visitante a valorizar as questões ambientais e estimulá-lo a se aprofundar em uma experiência única”, explica Sandra.

As obras foram criadas a partir da interação de Sandra Felzen, com três projetos do BrBio: Coral Sol, Restinga Viva e Ecorais. As obras são inspiradas na fauna e flora nativas marinhas destacando os corais brasileiros e o coral-sol, um invasor originário do Indo-Pacífico, que hoje é uma ameaça séria à biodiversidade do litoral brasileiro e de outros países das Américas. Os trabalhos que fazem referência à restinga, por exemplo,um dos ambientes brasileiros mais ameaçados, retratam espécies emblemáticas.

“Essa exposição tem um significado enorme para nós da equipe do BrBio. Nosso instituto é um agente de multiplicação do conhecimento científico através da articulação para a conservação da biodiversidade. E é a partir dessa visão que buscamos criar e executar projetos multidisciplinares em ambientes marinhos e regiões costeiras. Foi justamente a integração entre os projetos e a arte que resultou na mostra que acabamos de inaugurar no Centro Cultural dos Correios”, explica Simone Oigman-Pszczol, diretora executiva do BrBio.

Exposição
A exposição está organizada em duas grandes salas. Em um espaço amplo, são apresentados os trabalhos da artista plástica Sandra Felzen e são apresentados também os trabalhos produzidos por Monica Carvalho, parceira da instituição. “A exposição conta, ainda, com a vídeo instalação “Beleza Fatal”, focando na temática do coral-sol”, explica o designer Jair de Souza, responsável pelo projeto tipográfico de Paisagem Imersa.

Sandra Felzen
A artista plástica, é formada em química, mestre em ciências ambientais, e começou os estudos em artes plásticas nos anos 80, em Nova York. Realizou várias exposições individuais entre elas, Brasil é Nome de Árvore no BACI (Washington/EUA); Estações no Museu Nacional de Belas Artes (Rio de Janeiro/Brasil); terra no Centro Cultural Cândido Mendes (Rio de Janeiro/Brasil) e O Olhar do Outro no Centro Cultural Correios (Rio de Janeiro/Brasil). Além disso, participou de coletivas como a 5a Bienal Internacional de Arte Contemporânea (Florença/Itália); Variations, Gwenda Jay Gallery (Chicago/EUA); America 500, Centro Recoleta (Buenos Aires/Argentina).

BrBio
O Instituto Brasileiro de Biodiversidade – BrBio é uma organização da sociedade civil de interesse público que tem como objetivo contribuir para a proteção e conservação do ambiente, através da promoção e implementação de projetos de pesquisas básicas e aplicadas à sustentabilidade ecológica, social e econômica. Pautado no conhecimento científico, o BrBio tem como missão articular e integrar os diferentes setores da sociedade em busca de soluções para minimizar problemas ambientais, conservando a biodiversidade e contribuindo para uma melhor qualidade de vida da sociedade. O BrBio desenvolve iniciativas socioambientais que contemplam ações de monitoramento, manejo, educação ambiental, comunicação social, pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica.

Serviço
Exposição Paisagem Imersa
Local: Centro Cultural Correios (Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro)
Exposição: Até 24 de fevereiro de 2017
Funcionamento: de terça a domingo, das 12h às 19h
Entrada: gratuita

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*