Carol Hungria comemora dez anos de marca com desfile da coleção Stars no Copacabana Palace

CAROL HUNGRIA STARS por Rodrigo Sack, beleza Lucas Vieira. Casa França Brasi

Como estilista, Carol Hungria é de vanguarda. Não no sentido de criações mirabolantes que levam um certo tempo para serem aceitas, mas porque ela está a frente de várias tendências quando o assunto são vestidos de noiva. Além da sensibilidade para ver além do que as pessoas querem (ou o talento para fazê-las desejar suas obras), Carol tem apostado em um novo jeito de criar para uma geração que cada vez mais anseia por exclusividade e por surpreender.

Sua nova coleção, batizada de Stars, brinca (no sentido criativo) com o duplo significado do termo: as constelações, dotadas de luz própria, e as estrelas de Hollywood, com seu ápice de feminilidade e elegância.   

A noiva que inspira o compilado de looks tem uma alma glamurosa e que arranca suspiros seja qual for o cenário. Não é à toa que todas as peças são batizadas com nomes das divas hollywoodianas: Nathalie Wood, Greta Garbo, Katharine Hepburn, Sophia Loren, Marilyn Monroe, e por aí vai.

Praia, campo ou uma big festa feita sob uma infinidade de holofotes, Carol criou para uma persona com olhar milimétrico sobre cada detalhe do vestido. Trata-se de uma nova linguagem da moda bridal, que assume também o status de fashionista pelas surpreendentes experimentações com materiais, estampas, famílias de renda e técnicas de trabalho manual. 

Os tecidos utilizados vão dos mais estruturados, como o cetim duchese e a zibeline, aos mais fluidos, como a organza e a mousseline, todos (vale dizer) de seda. As rendas aparecem em peças inteiras e em montagens irreverentes de diversos tipos e famílias. A cartela de cores varia entre tons de branco, nude, off white e azul, combinados a pontos de luz prateados e cristalizados. Espere também ver muita textura de aplicações em 3D e misturas de pérolas, pedras, vidrilhos, paetês e cristais. Afinal, “diamonds are the girl’s best friend”!  

#carolhungriaSTARS

CARREIRA
Setembro de 2007, rua Visconde da Graça. Carol Hungria abre as portas de seu Atelier Carol Hungria no bairro Jardim Botânico, zona sul do Rio de Janeiro. Uma costureira, pouquíssimos vestidos e o sonho de ganhar o país com seu talento criativo. Os anos anteriores, no estilo de uma das mais renomadas marcas de moda da época, a Maria Bonita, foram dedicados a um seleto grupo de clientes que adquiria modelos sob medida. O desejo de colocar sua etiqueta em cada peça que assinava, a estilista relembra, nasceu na entrega do primeiro vestido de noiva que criara. “Vi tanta emoção nos olhos dela e de toda a família, que naquele momento me dei conta que eu tinha sido responsável pela roupa mais importante da vida da vida de alguém, e era isso que eu queria fazer todos os dias.”

E foi com a capacidade de trabalhar duro aliada a uma compreensão intuitiva do mercado da alta costura que no último ano Carol comemorou mil noivas no currículo e celebra em 2017 os dez anos de sua marca. De lá para cá foram vários prêmios de melhor estilista, desfiles, o lançamento de um guia de estilo, a inauguração de um segundo endereço em uma das ruas mais badaladas de São Paulo, e o reconhecimento como uma das personalidades mais influentes do mercado de festas. As conquistas, no entanto, só consagram o trabalho de uma apaixonada por pesquisas (vide a programação anual de viagens em nome da descoberta de novos materiais), comunicadora nata (ela marca bombados encontros semanais na ferramenta “ao vivo” do Instagram para tirar as dúvidas de noivas de todo o Brasil) e antenadíssima para novidades (Carol foi a primeira estilista a incorporar o iPad em seu processo criativo, por exemplo). 

Com conquistas tão significativas em um mercado tão tradicional e distante do mundo da moda (com o qual ela flerta em todas as suas coleções), Carol arma no mesmo mês em que celebra seus dez anos uma big festa em um dos maiores templos de luxo do país, o Copacabana Palace, com mega desfile da nova coleção e o anseio de surpreender os entusiastas do meio fashion e do universo dos casamentos.

Os modelos que vão cruzar a passarela, Carol adianta, prometem encantar com suas misturas de materiais ultra irreverentes, laboriosos trabalhos manuais, e com a leveza do lifestyle carioca e o glamour que pede a capital paulista, um casamento que a estilista celebra como ninguém.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*