COI suspende provisoriamente o COB após prisão de Nuzman

O Comitê Olímpico Internacional (COI) suspendeu provisoriamente o Comitê Olímpico Brasileiro (COB), nesta sexta-feira (06). A decisão da entidade foi tomada após a prisão de Carlos Arthur Nuzman, então presidente do COB, sob suspeita de compra de votos para escolher o Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas.

De acordo com o COI, os pagamentos feitos ao Comitê Olímpico do Brasil serão suspensos, também como forma de punição. No entanto, a entidade garantiu que os atletas brasileiros não sofrerão qualquer tipo de prejuízo.

Individualmente, Nuzman foi provisoriamente suspenso de todos os direitos e funções como membro honorário do Comitê Olímpico Internacional.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*