Daniel Alves destaca que brasileiros não enxergam jogo com a Inglaterra como amistoso

A Copa do Mundo já começou. Pelo menos esse é o pensamento dos jogadores da seleção brasileira que vão a campo nesta terça-feira (14), diante da Inglaterra, em Londres, no estádio Wembley. O jogo que marca o primeiro encontro de Tite com uma seleção europeia está sendo tratado como Copa do Mundo. Aliás, enfrentar um adversário de uma escola diferente da América do Sul é um grande teste para o selecionado de Tite, que espera mostrar muita força.

De volta ao time após ser poupado contra o Japão, o lateral direito Daniel Alves falou sobre o novo cenário que a seleção vai encontrar. Para o lateral do Paris Saint-Germain, o jogo com a Inglaterra não será assim tão diferente daqueles que a seleção jogou no comando de Tite.

“Não é tão diferente do que estamos acostumados a enfrentar. Os adversários sul-americanos e de outros continentes são tão difíceis quanto esse, mas para diversificar adversários, entender a forma de outras escolas. Você tem que enfrentá-los, mas não é mais difícil nem mais fácil. São testes que servem de preparação para nossa Seleção, nosso fortalecimento é sempre tentar melhorar”, garantiu Daniel Alves, que ressaltou concentração máxima no jogo.

“Infelizmente para os adversários, felizmente para nós, não entendemos como amistosos. A cada vez é uma oportunidade para somar pontos e voltar, todos os jogadores têm a consciência que se afunila a lista final. Nosso líder só nos exige que demos o nosso melhor quando estamos aqui e nos nossos clubes, é o mínimo que podemos fazer. Que o resultado seja consequência disso”, concluiu o jogador.

A partida contra a Inglaterra terá início às 18hs (de Brasília). O Brasil deve atuar com: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Casemiro, Renato Augusto, Paulinho, Philippe Coutinho e Neymar; Gabriel Jesus.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*