Dez jogadores são punidos após confusão generalizada em Gama e Brasiliense; verdão perde mandos

O TJD-DF julgou e puniu jogadores e os clubes após a confusão durante o clássico entre Gama e Brasiliense no último dia 12 de março, no estádio Bezerrão. Ao todo, dez jogadores levaram ganchos, sendo seis do verdão e quatro do jacaré. Além disso, o Gama perdeu o mando em cinco partidas e recebeu multa de R$ 33 mil. O clube pode entrar com um recurso.

Ao todo o julgamento teve duração de seis horas. A maior punição entre os jogadores foi para o atacante Nunes, que acertou uma cotovelada em Dudu Gago e iniciou toda a confusão. O jogador vai cumprir seis partidas sem defender o Brasiliense.

Além de Nunes, o jacaré vai ficar sem outros três atletas pelos próximos três jogos: Gabriel, Elicarlos e Fernandes. Guto, auxiliar-técnico, pegou dois jogos. Já o clube terá que desembolsar R$ 11 mil por conta da confusão.

O Gama ficará sem seis jogadores para a sequência do estadual: Eduardo, Dudu Gago, Raone, Paulinho, Roberto Pitio e Maringá. Além disto, o clube perdeu cinco mandos de campo e foi multado em R$ 33 mil pela falta de segurança no clássico. O Estádio Bezerrão está interditado pelo TJD-DF.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*