Em ano de ‘Brexit’, Bolsa de Londres tem resultado recorde

No ano do referendo que determinou a saída do Reino Unido da União Europeia, a Bolsa de Londres fechou 2016 batendo recorde.

Seu principal índice, o FTSE 100, encerrou o ano em 7.142 pontos, uma alta de 14,4% em relação ao fim de 2015, o melhor resultado de sua história.

O índice é formado sobretudo por multinacionais e se aproveitou da desvalorização da libra esterlina, que desde o referendo de junho perdeu 11% na comparação com o euro e 18% em relação ao dólar. Por outro lado, a Bolsa de Milão, a principal da Itália, encerrou o ano com resultado negativo de 9,68%.

O desempenho se deve sobretudo à crise bancária no país, que ameaça o futuro de diversas instituições, com destaque para o Monte dei Paschi di Siena (MPS). A capitalização das empresas cotadas na capital da Lombardia caiu de 567,6 bilhões de euros em 2015 para 542,9 bilhões no fim de 2016.

ANSA

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here