Fla pode não ter Berrío na Copa do Brasil, mas Guerrero deve voltar

Foto: Gilvan de Souza / Flamengo
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

O Flamengo tentou bastante, mas não conseguiu furar o forte bloqueio defensivo do Botafogo nesta quarta-feira (16), no estádio Nilton Santos. A estreia do técnico Reinaldo Rueda não foi como o esperado, mas o rubro-negro não lamenta o resultado conseguido, já que uma simples vitória na próxima quarta-feira (23), no Maracanã, dará a classificação para o Fla.

A preocupação da comissão técnica é com relação aos possíveis desfalques para a partida. O Flamengo já não contará com o goleiro Alex Muralha, que foi expulso após dividida com o zagueiro Joel Carli, que também levou o vermelho. O atacante Orlando Berrío também é uma das preocupações para o segundo jogo, já que precisou sair após forte entrada de Rodrigo Pimpão.

“Berrío preocupa porque teve ruptura no pé, vamos ver com departamento médico”, limitou-se a dizer o técnico Reinaldo Rueda.

Em comunicado, o Flamengo afirmou que o colombiano sofreu uma entorse no tornozelo direito, que ainda será melhor avaliado. Se a participação de Berrío no jogo decisivo ainda não está garantida, o Fla, no entanto, pode ter o retorno de Guerrero.

“Ele (Guerrero) trabalhou em dois turnos. Não vamos nos precipitar. Esperamos tê-lo semana que vem”, afirmou Rueda.

Guerrero não atua desde o dia 02 de agosto, quando sofreu uma lesão grau 2 na coxa esquerda durante derrota para o Santos por 3 a 2, no Pacaembu, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Sem o peruano, o Fla vem apostando em Felipe Vizeu, que marcou um gol nos três jogos que disputou.

Para avançar contra o Botafogo, o Flamengo terá que vencer a partida da próxima quarta-feira (23), no Maracanã. Empate sem gols leva a decisão para o pênalti e empate com gols classifica o alvinegro, que também avança com simples vitória.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*