Flamengo estreia na Copa São Paulo com goleada

Garotos do Ninho iniciam defesa do título fazendo 5 a 0 no Central (PE). Rubro-Negro é líder do grupo 23

Foto: Staff Images / Flamengo
Foto: Staff Images / Flamengo
O Flamengo abriu a temporada de 2017 com o pé direito. Iniciando a defesa do título da Copa São Paulo de Futebol Júnior conquistado no ano passado, o Rubro-Negro fechou a primeira rodada da 48ª edição da maior competição do futebol de base no Brasil goleando o Central (PE) por 5 a 0 (Patrick, Gabriel Silva, Vinícius Junior [2] e Dener) no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. Com o placar, os Garotos do Ninho fecharam a primeira rodada na liderança do grupo 23 do torneio. A próxima partida do Mais Querido acontece na sexta-feira (06.01), às 18:45h, contra o São Bento (SP), que foi derrotado pela equipe da casa por 4 x 2 na partida de abertura da rodada dupla.
 
O jogo
 
Estreias são sempre complicadas. E não foi diferente para o Flamengo na noite desta quarta-feira. Apesar de ter o domínio total do jogo e da posse de bola, e de criar inúmeras chances de gol durante todo o primeiro tempo, o time pecava na hora da finalização. Aos 5 minutos, Lucas Silva ficou na cara do goleiro, que fez ótima defesa. No rebote, Michael chutou para fora. Aos 7, Lincoln rolou para Patrick, que também errou o alvo. Na sequência, aos 12, novamente Patrick arriscou ótimo chute de fora da área, mas a bola passou rente à trave do goleiro Carlos. A pressão era intensa, mas a bola insistia em não entrar. Aos 30 minutos Patrick fez grande jogada carregando a bola pelo meio da defesa da equipe pernambucana e deixou Jean Lucas na cara do gol. Mas novamente o goleiro fez a defesa.
 
Após a conversa no intervalo com o treinador Gilmar Popoca, a equipe rubro-negra voltou a campo jogando da mesma maneira que havia feito na primeira etapa. Trocando passes com paciência e criando muitas chances de gol. O apoio da torcida, que compareceu em grande número ao estádio, era intenso, e ela foi recompensada com o primeiro gol aos 9 minutos. Kleber salvou uma bola praticamente perdida e fez ótimo cruzamento para Patrick, que sofreu pênalti. Ele mesmo cobrou, duas vezes, para enfim abrir o placar e dar mais tranquilidade ao time. A comemoração foi junto com a Nação. Aos 24, o segundo. Kleber roubou a bola e tocou rápido para Gabriel Silva, que puxou o veloz contra-ataque. Ele tocou para Patrick, que rolou para Jean Lucas finalizar. No rebote do goleiro, Gabriel Silva ampliou o placar. 
 
“Infelizmente perdemos muitos gols no primeiro tempo. Isso é algo que não pode voltar a acontecer. No segundo jogamos da mesma forma, mas tivemos mais tranquilidade na hora de finalizar. Cobrei muito mal o primeiro pênalti, não olhei para o goleiro e não costumo fazer isso. No segundo me concentrei mais, e tive a felicidade de fazer o gol. Nossa equipe está de parabéns, estreias são sempre muito difíceis. Agora vamos descansar, porque na sexta-feira teremos mais um grande desafio”, disse Patrick, destaque rubro-negro na partida.
 
O Flamengo mandava no jogo, e o domínio finalmente se transformou em goleada. Vinícius Junior, que havia entrado um pouco antes, fez o terceiro e o quarto gols, o último em uma linda finalização no ângulo do goleiro. Aos 37, foi a vez do capitão Dener fazer de cabeça e fechar o placar. 
 
“Fico muito feliz em ter entrado e podido ajudar a equipe. Vendo de fora, percebi que estávamos criando muitas chances, mas estava só faltando fazer o gol. Graças Deus pude ter tranquilidade na hora das finalizações. Agora é mantermos o foco, porque a competição é muito dura e temos pouco tempo de descanso”, disse Vinícius Junior.
 
Adepto do futebol ofensivo, o treinador Gilmar Popoca comemorou a atuação da equipe na estreia após o término da partida.
 
“Fico muito feliz com essa estreia, era tudo o que precisávamos. Temos uma equipe de muita qualidade mas que ainda é muito nova, e com certeza teremos um ganho de confiança muito grande após o jogo de hoje. O placar no intervalo era injusto, criamos muito e não conseguimos finalizar em gol. Jogos assim se tornam complicados. Mas graças a Deus a bola entrou no segundo tempo, e conseguimos construir um belo placar. Esse foi só o começo, ainda temos muito o que corrigir e ainda mais a evoluir para a sequência dessa competição, que é muito dura”, finalizou o treinador Gilmar Popoca.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here