HemoRio lança campanha de doação de sangue no Carnaval

O Instituto Estadual de Hematologia (HemoRio), vinculado à Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, lançou nesta quinta-feira (2) a 14ª edição da campanha Vista a Fantasia da Solidariedade, para estimular doações de sangue. “Todo ano, a gente faz essa campanha de carnaval porque é uma época que tem uma baixa de doadores de sangue”, disse a gerente da Hemoterapia da unidade, Esther Lopes.

A campanha envolve as escolas de samba cariocas e tem como madrinha a rainha de bateria da Portela, Bianca Monteiro. “É de suma importância que cada um tenha tempo para doar não só sangue, mas amor, conhecimento. São só seis minutinhos e não faz mal nenhum”, disse a passista. Hoje, integrantes da Portela doaram sangue no Hemorio

Bianca contou que passou a doar sangue quando a avó precisou de uma doação para fazer uma cirurgia, há cinco anos. “Infelizmente, as pessoas só conhecem quando é necessário”.

Época crítica

De acordo com Esther Lopes, a queda de cerca de 30% no número de doações nesta época do ano ocorre porque muitos doadores frequentes viajam de férias nos meses de janeiro e fevereiro. No entanto, segundo ela, a demanda se mantém. “A vida continua. Nós temos cirurgias, acidentes, e precisamos de sangue. Então fica um desequilíbrio.” Além do carnaval, o número de doadores costuma cair em feriados como Natal e Semana Santa.

O HemoRio tem capacidade para receber até 500 doadores de sangue por dia. “O ideal seria que nós tivéssemos 350 doadores por dia, mas a média atual está em 250. Então, nós temos que aumentar, pelo menos, 100 doadores a mais por dia, nessa época, que é crítica para a gente”, disse Esther.

A campanha se estenderá por todo o mês de fevereiro. No próximo dia 9, haverá doação voluntária de componentes da Escola de Samba Vila Isabel; dia 16 será a vez do Estácio de Sá. No dia 21, o Bloco Vem Doar Pra Mim, criado por uma empresa privada do ramo de alimentação, pretende arregimentar foliões pela cidade para doar sangue em um cortejo que partirá da Candelária até o HemoRio, no centro da cidade.

Funcionamento

Durante todo o carnaval, o HemoRio vai funcionar de 7h às 18h para o recebimento de doações. 

Para doar sangue, é preciso que o voluntário tenha entre 16 e 69 anos de idade, pese mais de 50 quilos, esteja em boas condições de saúde e apresente um documento oficial com foto. Os menores de 18 anos devem ter autorização dos pais ou responsáveis. Além disso, os doadores devem estar alimentados, devendo apenas evitar a ingestão de alimentos gordurosos quatro horas antes da doação e de bebidas alcoólicas 12 horas antes.

O HemoRio distribui bolsas de sangue para 180 hospitais públicos, incluindo as grandes emergências dos hospitais estaduais Getúlio Vargas, Souza Aguiar e Miguel Couto, e instituições conveniadas com o Sistema Único de Saúde (SUS). Mais informações podem ser obtidos por meio do Disque Sangue, no número 0800 282 0708.

Agência Brasil

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*