Jair Ventura resume derrota do Botafogo: “Méritos da Chapecoense”

Depois de sete jogos invicto, o Botafogo voltou a perder no Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira (16), na Arena Botafogo, o alvinegro levou 2 a 0 da Chapecoense e teve o seu planejamento em busca de uma vaga na Libertadores atrapalhado. Com 55 pontos, o time segue na quinta colocação, mas vê os adversários que estão logo atrás diminuindo a vantagem.

Tentando explicar o resultado negativo, o técnico Jair Ventura preferiu dar méritos ao adversário. Para o treinador alvinegro, a equipe catarinense soube se postar contra o Botafogo e aproveitar as oportunidades que teve.

“Aconteceu que a Chapecoense veio com uma estratégia e foi feliz e nós não fomos. Trabalhamos muita bola parada ontem (terça-feira), sabíamos da força deles na bola parada. Conseguiram gol assim, mérito deles. Fomos para cima, tentamos, tentamos e tomamos outro em contra-ataque. É ruim, jogando em casa, pelas nossas pretensões. Temos que lembrar também que eram sete jogos de invencibilidade. Não tem hora boa para perder, é sempre ruim. Mérito e parabéns para a Chapecoense”, avaliou Jair Ventura.

Além da derrota, outro fator que preocupa no Botafogo é o fato de o time ter chegado ao terceiro jogo sem conseguir marcar. O ataque que vinha conseguindo gols na maioria dos jogos desde que Jair assumiu, já tem mais de 270 minutos sem furar o bloqueio adversário.

O Botafogo vai tentar retomar o caminho das vitórias no próximo domingo (20), quando visita o Palmeiras, no Allianz Parque, em São Paulo. O atacante Sassá, artilheiro do time no Brasileirão, está de volta à equipe após cumprir suspensão automática e vive a expectativa de ser titular. Airton e Victor Luis, suspensos pelo terceiro cartão amarelo, são desfalques certos do Glorioso.

Deixe uma resposta