Jornal diz que Cavani recusou proposta financeira para deixar de bater pênaltis no PSG

De acordo com as informações do jornal “El País”, o uruguaio Edinson Cavani recusou uma proposta de 1 milhão de euros (R$ 3,7 milhões) para deixar de ser o cobrador oficial de pênaltis do Paris Saint-Germain. A oferta partiu do próprio clube francês.

O objetivo era acabar de uma vez por todas com a polêmica entre o uruguaio e Neymar. Os dois chegaram a se desentender na partida diante do Lyon, quando Cavani não deixou o brasileiro cobrar uma penalidade.

De acordo com o “L’Équipe”, uma das motivações de Cavani para continuar batendo pênaltis é justamente o aspecto financeiro. A publicação afirma que o uruguaio receberá o mesmo valor oferecido pelo PSG (1 milhão de euros) caso consiga terminar o campeonato francês como artilheiro.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*