Mesmo com boa vantagem de Hamilton na liderança, Wolff ainda não garante título na F1

Toto Wolff, chefe da Mercedes, descartou que o GP de SIngapura tenha sido uma decisão preliminar da temporada de 2017. A Ferrari, que era tida como favorita a conquistar a prova, acabou com um abondono duplo ainda no começo da disputa. Desta forma, Hamilton seguiu livre para conquistar mais uma vitória e abrir 28 pontos sobre Vettel na classificação de pilotos.

O ex-piloto Niki Lauda, atual diretor da Mercedes, entende que a distância conquistada por Hamilton foi uma decisão preliminar da temporada. No entanto, Toto Wolff não acha que a situação já está definida.

“Não me deixaria levar por tal declaração. Só posso sorrir por dentro”, comentou. “Mas é um grande passo à frente. Claro, o Mundial só é conquistado quando é conquistado”, completou.

Wolff, entretanto, preferiu a cautela e avaliou que a diferença entre Hamilton e Vettel ainda não é definitiva.

“De manhã, nós estávamos pensando na limitação de danos e, de tarde, estamos falando de uma vantagem de 28 pontos”, falou Wolff. “Agora restam mais cinco corridas, o que significa que a situação pode virar contra nós seis vezes, como aconteceu hoje com a Ferrari”, ponderou.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*