Mostra de teatro reúne repertório para crianças na Caixa Cultural Rio

Foto: Ricardo Avelino

A CAIXA Cultural do Rio de Janeiro recebe, de 14 a 29 de março (de terça a sexta-feira), a Mostra de Repertório CBTIJ 21 Anos, que celebra o tempo de atuação ininterrupta do Centro Brasileiro de Teatro para Infância e a Juventude. Durante o evento, que tem entrada franca, serão apresentados dez espetáculos representativos de diferentes companhias do Rio de Janeiro e de Minas Gerais que integraram os festivais e circulações promovidas pelo CBTIJ em outros anos.

Serão duas apresentações de cada espetáculo, sempre às 10h30 e às 15h. O evento tem patrocínio da Caixa Econômica Federal e Governo Federal e foi selecionado por meio do Programa CAIXA de Apoio a Festivais de Teatro e Dança 2017.

Diferente de outras mostras de teatro para crianças e jovens, a Mostra de Repertório CBTIJ 21 Anos tem o propósito de ressaltar, além da qualidade das produções, a força da realização coletiva e continuada que o teatro de grupo representa.

Os principais critérios para a seleção dos espetáculos foram a credibilidade artística das companhias, comprovada através de inúmeras premiações, e a relevância de suas temáticas para as camadas mais jovens da população. Entre os destaques da mostra estão: O velho da horta, da Cia. PeQuod; O médico camponês e a princesa engasgada, da Cia. Medieval; e A aranha arranha a jarra, a jarra arranha o trava-língua, da Cia. Pop de Teatro Clássico.

“Nada melhor para marcar os 21 anos da Associação do que fazer uma grande retrospectiva de alguns dos mais representativos espetáculos que passaram por nossas mostras ao longo de todos esses anos”, afirma Cleiton Echeveste, coordenador da Mostra. “Desta forma, valorizamos o trabalho realizado por inúmeros artistas e produtores que, na maior parte dos casos, sem nenhum patrocínio, vêm mantendo seus espetáculos em circulação, promovendo a formação de novas plateias, o desenvolvimento de um senso crítico e estético, e, sobretudo, oferecendo acesso ao patrimônio cultural que estas obras e seus criadores representam”, complementa.

Palestra e mesa-redonda:
A programação ainda inclui duas atividades especiais. Na terça-feira (14), às 14h30, a mostra promove uma palestra com a Prof.ª Dra. Ângela Reis (Unirio), e na quarta-feira (29), às 16h30, a mesa-redonda mediada pelo produtor cultural Humberto Braga com a participação de representantes dos grupos e companhias participantes.

O CBTIJ:
Criado em 1995 como uma associação cultural que congrega artistas e produtores, o Centro Brasileiro de Teatro para Infância e a Juventude é uma entidade sem fins lucrativos que pauta suas atividades no sentido de promover a qualidade no teatro para crianças e jovens, bem como fomentar o trabalho continuado de grupos e companhias.

O CBTIJ conta, atualmente, com mais de 400 associados de todo o Brasil, entre diretores, atores e produtores, que se reúnem periodicamente para discutir questões pertinentes ao teatro para crianças e jovens. Representante nacional da ASSITEJ (Associação Internacional de Teatro para a Infância e Juventude), a entidade foi reconhecida como sendo de utilidade pública municipal e estadual e instituiu, em 2014, o Prêmio CBTIJ de Teatro Infantil.

Programação:

14 de março (terça-feira)

10h30 e 15h – O menino que brincava de ser. Texto e direção: Cleiton Echeveste. Elenco: Giuseppe Marin, Tatiana Henrique e Thiago Monte. Realização: Pandorga Cia. de Teatro.

14h30 – Palestra – Prof.ª Dra. Ângela Reis (Unirio)

15 de março (quarta-feira)

10h30 e 15h – A história de topetudo. Texto: Ana Barroso, Monica Biel e Thereza Falcão. Elenco: Ana Barroso e Monica Biel. Direção: Thereza Falcão. Realização: BB Produções.

16 de março (quinta-feira)

10h30 e 15h – Os cenouras. Texto: Leonardo Carnevale e Fabio Freitas. Elenco: Leonardo Carnevale e Fabio Freitas. Direção: Márcio Libar. Realização: Carnevale Produções.

17 de março (sexta-feira)

10h30 e 15h – Rapunzel. Adaptação: Leonardo Simões. Elenco: Amanda Barbosa, Laís Batista e Ronan Vaz. Direção: Leonardo Simões e Paulo Merisio. Realização: Trupe de Truões.

21 de março (terça-feira)

10h30 e 15h – Perez & Gil – Piratas. Tradução, Adaptação e Direção: Antonio Carlos Bernardes. Elenco: Renato Peres, André Brilhante e Cecília Hoeltz  Realização: ACB Teatral.

22 de março (quarta-feira)

10h30 e 15h – O príncipe peralta. Texto: Bruno Bacelar. Elenco: Bruno Bacelar, Anderson Nuud, Felipe Gouvêa e Caio Lisboa. Direção: Angelo Faria Turci. Realização: Cia. Muito Franca!

23 de março (quinta-feira)

10h30 e 15h: O velho da horta. Adaptação: Rosita Silveirinha, Márcio Newlands e Miguel Vellinho. Elenco: Liliane Xavier, Márcio Newlands, Márcio Nascimento e Raquel Botafogo. Direção: Miguel Vellinho. Realização: Cia. PeQuod.

24 de março (sexta-feira)

10h30 e 15h: M’boiguaçu. Texto: Carlos Carvalho. Elenco: Ludoval Campos, Marcela Coelho e Otávio Reis. Direção Julio Cesar Saraiva. Realização: Tibicuera & Cia.

28 de março (terça-feira)

10h30 e 15h – O médico camponês e a princesa engasgada. Texto: Marcia Frederico. Elenco: Marcia Frederico e Rogério Freitas. Direção: Marcos Edom. Realização: Cia. Medieval.

29 de março (quarta-feira)

10h30 e 15h: A aranha arranha a jarra, a jarra arranha o trava-língua. Direção e Texto: Demetrio Nicolau. Elenco: Marcella Dale e Marcela Coelho. Realização: Cia. Pop de Teatro Clássico.

16h30 – Mesa-redonda com representantes das companhias de teatro. Mediação: Humberto Braga.

Serviço:

Mostra de Repertório CBTIJ 21 Anos

Entrada Franca
Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Teatro de Arena
Endereço: Av. Almirante Barroso, 25, Centro (Metrô: Estação Carioca)
Telefone: (21) 3980-3815
Data: 14 a 29 de março de 2017 (terça a sexta-feira)
Horários: Consultar programação
Lotação: 176 lugares (mais 3 para cadeirantes)
Bilheteria: de terça-feira a domingo, das 10h às 20h
Classificação Indicativa: Livre
Acesso para pessoas com deficiência

 

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*