Na volta ao Mineirão, Brasil goleia a Argentina com direito a gritos de “olé”

O Brasil recebeu a Argentina nesta quinta-feira (10), no Mineirão, pela 11ª rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo. O jogo marcou a estreia de Tite num superclássico e também a volta da seleção brasileira ao Mineirão, palco do 7 a 1 no Mundial de 2014. Em campo, os brasileiros mostraram um bom futebol mais uma vez e com gols de Philippe Coutinho, Neymar e Paulinho o Brasil goleou por 3 a 0 e se manteve na liderança da competição.

No começo do jogo a Argentina tomou a iniciativa e conseguia fazer uma boa marcação, sem deixar o Brasil ameaçar. Fernandinho não conseguia parar Messi e chegou a levar um cartão amarelo em combate contra o camisa 10. Os argentino tiveram boa chance com Biglia, que pegou um chute forte de fora da área, mas Alisson subiu para defender.

O primeiro bom chute do Brasil a gol veio somente aos 24, e já com a bola na rede. Neymar conseguiu dar um passe para Philippe Coutinho pela esquerda, o meia brasileiro avançou, passou pela marcação e deu um chutaço no ângulo do goleiro Romero para fazer: Brasil 1 a 0.

O segundo gol do Brasil quase saiu em jogada individual de Neymar. O atacante do Barcelona fez grande jogada pela esquerda, passou por Funes Mori e Mascherano e bateu cruzado para acertar a trave. Mas Neymar faria o seu gol no último lance do primeiro tempo. Gabriel Jesus recebeu, conseguiu vencer a marcação de Otamendi e lançou para Neymar, o atacante saiu cara a cara com Romero e tocou na saída para fazer o segundo: 2 a 0 para o Brasil foi o placar do primeiro tempo.

Na volta para a segunda etapa os argentinos vieram com mudança: Aguero foi a campo e o time de Edgardo Bauza passou a atuar com quatro atacantes, incluindo Messi. Com muita gente na frente, o time argentino deu espaço para o Brasil criar suas chances. Paulinho saiu cara a cara com o goleiro Romero, driblou e concluiu, mas Zabaleta salvou em cima da linha.

Mas Paulinho teria mais uma chance pouco depois, essa para fazer. Após jogada pelo meio, a zaga conseguiu afastar e Renato Augusto se esticou todo para evitar a saída, a bola caiu com Paulinho que concluiu para a rede e ampliou o placar para 3 a 0.

A partir deste gol a torcida presente no Mineirão começou a soltar o grito de “olé” a cada toque de bola dos brasileiros. Os argentinos começaram a apostar nas pancadas e começaram a chegar mais ríspidos na jogada: Biglia levou amarelo. Tite começou a mexer no time e mandou a campo Roberto Firmino na vaga de Gabriel Jesus.

Firmino teve a sua chance de marcar quando Renato Augusto foi lançado pela direita, saiu na cara de Romero e cruzou, mas o atacante do Liverpool chegou um pouco atrasado e não conseguiu concluir. Douglas Costa na vaga de Philippe Coutinho e Thiago Silva no lugar de Miranda foram as outras mexidas de Tite no jogo.

O Brasil ainda teve uma chance com Neymar, que não conseguiu concluir, enquanto Messi cobrou uma falta facilmente defendida por Alisson. Com muita comemoração, os brasileiros saíram de campo festejados com a goleada e Tite permanece 100% no comando da equipe com cinco vitórias em cinco jogos disputados.

Com a vitória, a seleção brasileira permanece na liderança, agora com 24 pontos conquistados, enquanto a Argentina sem mantém em sexto com 16. Na próxima terça-feira (15), o adversário do Brasil será o Peru, em Lima, às 0h15 (de Brasília). Já a Argentina joga em casa contra a Colômbia, no mesmo dia, mas as 21h30.

 

Deixe uma resposta