O Garoto da Última Fila no Teatro das Artes

Foto divulgação

Com uma dramaturgia contemporânea, o que torna o texto, no mínimo, intrigante, a temporada de “O Garoto da Última Fila” vai acontecer na sala Fernanda Montenegro do Teatro das Artes, as quartas e quintas às 21h a partir do dia 20 de julho. É a primeira montagem no Brasil do texto de Juan Mayorga, com versão brasileira de José Wilker e direção de Victor Garcia Peralta, que traz no elenco nomes como Celso Taddei, Gabriel Lara, Isio Ghelman, Lorena da Silva, Luciana Braga e Vicente Conde. Já na equipe técnica/artística, conta com Maneco Quinderé, assinando a iluminação, Miguel Pinto Guimarães, a cenografia, e Carol Lobato, os figurinos. A direção de produção está a cargo de Cristiana Lara Resende e Tatianna Trinxet.

A peça de Mayorga circula entre a ação e a narração, onde Germano, um professor de literatura, se depara com o atual desinteresse de professores e alunos e com o fraco desempenho de quem deveria estar interessado em aprender. Ao corrigir as redações da classe, Germano descobre um excelente contador de histórias, que o leva para o mundo da ficção misturado com o real, tornando o texto uma discussão sobre os valores éticos.

“O elenco é composto por bons atores de teatro. É uma peça muito inteligente. A gente se reconhece. Somos todos um pouco de todas as personagens. O autor é matemático e filósofo. Isso está na precisão da peça. É direta. Sem contar que é um texto muito pertinente para esse momento. Coisas que a gente vive, uma relação ética”, avalia o diretor da montagem Victor Garcia Peralta.

“A maneira de contar a história é bastante inusitada e, portanto, é um desafio para todos nós conseguirmos transportar essa forma para o palco com a mesma qualidade”, afirma a atriz Luciana Braga. “A peça propõe um jogo simultâneo entre a realidade e a ficção, onde os diversos planos e dimensões se intercalam, provocando um interessante desafio para a encenação. Num bom texto, as respostas e os estímulos estão todos lá!”, complementa o ator Isio Ghelman.

A peça ajuda na reflexão e procura mostrar que é necessário que a fantasia se faça presente nas vidas de todos sempre, e é isso que o autor introduz no duelo entre o professor e o seu aluno importantes reflexões sobre a arte de construir uma história, pois até a vida mais banal esconde dramas e interrogações de alcance universal, e sem ela teríamos uma originalidade vazia.

Sinopse:
O Garoto da Última Fila é uma peça sobre a escola e a família, onde se encontram duas personagens. Uma é um professor de literatura, de liceu, Germano, que tem por volta de 50 anos. Escolheu esta profissão porque pensava que ia lhe permitir viver em contato com os grandes livros, e transmitir o seu amor por eles. Germano, um dia, tenta explicar a noção do seu ponto de vista aos alunos e, para isso, pede–lhes que escrevam sobre o que fizeram no último fim de semana. E entre redações horríveis, descobre uma inesperada pelo seu conteúdo e forma, que é a da outra personagem especial, o rapaz da última fila. Aí, se produz um encontro complexo, cheio de desencontros.

Germano chegou à profissão pelas razões erradas, e os sonhos de conviver com as grandes obras literárias foram abafados pelo cotidiano de tentar ensinar jovens na fase da rebeldia, o que o deixa bastante desanimado. Não só com o presente, com o seu momento, mas com o futuro de todos. Mas quando Germano pede aos seus alunos que façam uma redação para poderem perceber o conceito de ponto de vista, uma folha pautada distingui-se das restantes.

Cláudio senta-se sempre na última fila. E é com esse olhar, que Germano reconhece os seus tempos de aluno – “Ninguém nos vê, mas nós vemos a todos” – que entra na casa do seu colega Rafa e documenta tudo a que assiste. Germano e Joana, sua mulher, tornam-se os seus ávidos leitores, alternando entre a desaprovação pela intrusão em vidas alheias e a curiosidade pelos acontecimentos do capítulo seguinte.

O GAROTO DA ÚLTIMA FILA
De Juan Mayorga
Versão brasileira José Wilker

FICHA TÉCNICA:
Elenco: Celso Taddei, Gabriel Lara, Isio Ghelman, Lorena da Silva, Luciana Braga e Vicente Conde
Direção: Victor Garcia Peralta
Iluminação: Maneco Quinderé
Cenário: Miguel Pinto Guimarães
Figurino: Carol Lobato
Projeto Gráfico: Vento Estúdio
Direção de produção: Cristiana Lara Resende e Tatianna Trinxet
Idealização: Cristiana Lara Resende e Victor Garcia Peralta
Realização: Cris Lara Produções Artísticas Ltda

Serviço:

O Garoto da Última Fila
Estreia: 20 de julho / Até: 31 de agosto
Teatro das Artes – Shopping da Gávea
Shopping da Gávea – Loja 264 – 2º Piso | Rua Marquês de São Vicente 52 – Gávea
Contato Bilheteria tel.: 21 2540-6004 – Segunda a Domingo das 15:00 às 20:00 – Após às 20:00 apenas para peças do dia.
Quartas e quintas às 21h
R$ 60,00 – inteira / R$ 30,00 – meia- entrada
Tempo de duração: 90 minutos
Classificação indicativa: livre

 

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here