Plenário da Câmara é invadido por manifestantes e sessão é suspensa

Foto: Lucio Bernardo Jr./Câmara Notícias

Manifestantes invadiram há pouco o plenário da Câmara dos Deputados. Houve tumulto, a sessão foi suspensa e o local fechado. O grupo, formado por cerca de 50 pessoas de várias partes do país, grita as palavras: “Queremos general”. Porém, os manifestantes não informaram até o momento se pertencem a um grupo organizado. A porta de vidro que dá acesso ao plenário foi quebrada.

No momento, os deputados discursavam antes de o início da Ordem do Dia da sessão extraordinária. O 1º vice-presidente da Câmara, deputado Waldir Maranhão (PP-MA), suspendeu os trabalhos e pediu à polícia legislativa que ajude na remoção dos manifestantes, segundo a Agência Câmara. 

 Alguns deputados conversam com os manifestantes e tentam negociar uma saída deles do local. 

Os seguranças da Câmara acompanham a movimentação.

A Polícia Legislativa retirou todos os jornalistas do plenário e das galerias alegando questões de segurança. Os profissionais estão no Salão Verde, do lado de fora do plenário, onde também há manifestantes e curiosos.

Agência Brasil

Deixe uma resposta