Portal oferece R$ 1 mil por informações de suspeito que abusou sexualmente de mulher em Marechal

Rafael de Souza Fontinha, suspeito de assaltar e abusar sexualmente de uma jovem, em Marechal Hermes, na Zona Norte do Rio. Foto: Portal dos Procurados

O Portal dos Procurados divulgou nesta terça-feira (8) um cartaz com recompensa de R$ 1 mil por informações que levem a prisão de Rafael de Souza Fontinha, suspeito de assaltar e abusar sexualmente de uma jovem, em Marechal Hermes, na Zona Norte do Rio.

O crime aconteceu no final do mês de agosto, por volta das 14h, quando a vítima seguia sozinha pela rua, em direção ao seu trabalho, e foi abordada pelo suspeito que estava armado. Segundo a vítima, depois de Rafael perguntar se ela estava de posse de algum telefone, ele falou para ela seguir em direção a um veiculo que estava estacionado logo à frente. Chegando lá, ele fez a vitima entrar, e começou a mexer na bolsa da jovem, e também a passar a mão em sua perna, e falou: “Agora vamos dar uma voltinha”.

Duas ruas após onde foi feita a abordagem, Rafael parou com o carro, e com a arma apontada na direção da vítima, começou a falar que se ela gritasse ou fizesse qualquer coisa iria morrer. Neste instante, ele mandou que ela descesse a calça, e começou abusar sexualmente da vítima.

Após investigações diligenciadas pela 30º DP (Marechal Hermes), os agentes identificaram Rafael de Souza com sendo o principal suspeito do crime. A delegacia fez um pedido de representação de estupro contra ele junto a Justiça.

Ele tem passagem na polícia por tráfico e associação ao tráfico de drogas, e lesão corporal por violência doméstica. Também já teve passagem pelo Sistema Penitenciário, onde ficou dois anos preso, saindo em liberdade no dia 7 de outubro, do Instituto Penal Plácido Sá de Carvalho.

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização de Rafael pode denunciar através seguintes canais: Whatsapp ou Telegram dos Procurados (21) 96802-1650; pelo Facebook (inbox), pelo mesa de atendimento do Disque-Denúncia (21) 2253-1177, ou pelo Aplicativo para celular Disque Denúncia. O Anonimato é garantido. Todas as informações recebidas estarão sendo encaminhadas para 30ª DP – Marechal Hermes, que está encarregada do inquérito criminal.

Deixe uma resposta