Presidente do Barcelona fala sobre saída de Neymar e alfineta o PSG

O presidente do Barcelona Josep Maria Bartomeu destacou a saída do atacante Neymar, que vai passar a atuar no futebol francês, defendendo o Paris Saint-Germain. Para o mandatário, a postura de Neymar não condiz com àquela que um jogador do clube precisa tomar em situações como essa. Bartomeu ainda alfinetou o PSG em seu discurso.

Durante o o 38º Congresso de Torcedores do Barcelona, Bartomeu citou a saída de Neymar e enxergou vantagens no negócio, já que o clube recebeu 222 milhões de euros (cerca de R$ 822 milhões) por conta do rompimento do contrato.

Prevíamos que Neymar poderia sair, e por isso aumentamos a cláusula. Agora estamos trabalhando para buscar seus substitutos. A decisão, fosse a que fosse, seria bom para o Barça. Se ficasse, manteríamos um grande jogador, e se fosse, ganharíamos uma grande quantia. Com esta cláusula temos todas as garantias para contratar. A forma não foi das melhores, não é a que deve defender um jogador nosso. Mas este dinheiro servirá para melhorar nosso patrimônio”, disse Bartomeu, que ainda alfinetou o PSG:

“Queremos falar de futuro. Somos o Barça, um clube querido ao redor do mundo. Mas, antes, queremos dar por encerrado um capítulo do passado. Neymar fez parte de nosso clube, mas hoje já é história. É uma decisão sua, embora tenhamos feito tudo o que estava em nossas mãos para que ficasse. Sempre atuando com a responsabilidade que nos cabe, respeitamos sua decisão, ainda que não concordemos. Tudo tem um limite, e nenhum jogador pode estar acima do Barça. Somos um clube com 118 anos de história, com grandes jogadores, com mais de 140 mil sócios. É nosso, dos sócios, e não de um xeque ou de um oligarca”,

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here