Proibição de notas de 500 e mil rúpias gera caos na Índia

A proibição das notas de 500 e 1 mil rúpias como forma de combate à corrupção está provocando caos na Índia, já que os habitantes do país têm apenas até 30 de dezembro para depositar suas cédulas.

Com isso, os cidadãos começaram uma corrida aos bancos para entregar as notas proibidas, ainda mais depois de as agências terem ficado fechadas na última quarta-feira (9) por ordem do governo. Assim, muita gente que precisa usar essas cédulas ficou apenas com papéis sem valor nas mãos.

O anúncio da proibição foi feito de surpresa pelo primeiro-ministro Narendra Modi, que alega a necessidade de diminuir a grande quantidade de dinheiro circulando sem pagar impostos na Índia. As notas de 500 e 1 mil rúpias deixaram de ter valor imediatamente, ainda que boa parte da população use essas cédulas como forma de pagamento, mesmo em grandes quantias.

Além disso, os bancos estão controlando quem deposita essas notas para identificar possíveis criminosos. Muitos indianos também têm procurado comerciantes de ouro e joias, que são um dos alvos da medida anunciada por Modi. As notas de 500 e 1 mil rúpias equivalem, respectivamente, a cerca de R$ 25 e R$ 50.

ANSA

Deixe uma resposta