Rio intensifica Operação Lei Seca nas festas de Ano-Novo

Foto: Divulgação

Para minimizar os riscos de colisões e acidentes, principalmente com vítimas, nesta época do ano – período em que as comemorações levam, muitas vezes, motoristas a beberem além da conta –, o governo do Rio de Janeiro intensificou a Operação Lei Seca, com ações especiais nesta passagem de ano, na capital e em cidades da região metropolitana.

No total, serão realizadas 38 ações no Ano Novo, inclusive em cidades do interior, e todo o efetivo de 250 agentes estarão em atividade, divididos em 16 equipes. Até amanhã (1º de janeiro), também ocorrerão ações de prevenção, nas quais os cadeirantes da Operação Lei Seca promoverão trabalho de conscientização, em pontos de grande fluxo de pessoas, para alertar a população e turistas sobre os perigos da mistura álcool e direção.

Assim como foi feito nas festividades de Natal (dias 23, 24 e 25), as equipes atuarão nas regiões de maior fluxo de veículos. “Esperamos que o réveillon seja tão tranquilo quanto o Natal, e que as pessoas voltem em segurança para suas casas e famílias”, disse o coordenador da Operação Lei Seca, tenente-coronel Marco Andrade.

Light a postos

A concessionária Light também montou esquema especial para assegurar o fornecimento de energia para a festa da virada do ano, que envolve a mobilização de cerca de 1,5 mil profissionais – um terço deles  posicionados estrategicamente nos locais de maior concentração das festividades.

Equipes de emergência estarão a postos em locais como as praias do Flamengo e de Copacabana, na zona sul da cidade, onde acontece uma das maiores queimas de fogos do mundo; no Parque Madureira, Ilha do Governador, Piscinão de Ramos e Penha, na zona norte; e nas praias da Barra da Tijuca, Sepetiba e Pedra de Guaratiba, na zona oeste; e na Ilha de Paquetá, no interior da Baía de Guanabara.

Preventivamente, a Light realizou cerca de 4 mil inspeções na rede, além de monitoramento preventivo em 100 subestações em todos os municípios da área de concessão. Geradores em stand by também foram instalados em pontos estratégicos para atender a eventuais ocorrências.

Agência Brasil

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here