Samara é considerada uma das ‘pérolas’ da Rússia

Fundada em 1586, Samara, na Rússia, é considerada uma das “pérolas” do país, por ser uma cidade mercantil e ter um importante centro aeroespacial.

Ela também é conhecida por ser um dos municípios que mais incentivam o esporte e a música.

Em 1916, o poeta e futuro Nobel de Literatura Boris Pasternak escreveu que Samara “é a melhor parte, a mais pecadora, elegante e confortável” da Rússia.

Anteriormente conhecida como Kuibyshev, Samara foi, durante a Segunda Guerra Mundial, a segunda capital da União Soviética, já que todos os departamentos governamentais e diplomáticos foram evacuados de Moscou.

Entre os principais pontos turísticas da cidade, que tem cerca de 1 milhão de habitantes, está o grande bunker do líder Josef Stalin, que possui 37 metros de profundidade.

Outro marco de Samara é um monumento de 68 metros de altura que retrata a nave espacial Soyuz, construída para o voo espacial de Yuri Gagarin.

A Ploshchad Slavy, uma das muitas praças centrais de Samara, não proporciona apenas uma bela visão do rio Volga, mas também conta com a estátua de 13 metros de um trabalhador com asas simbólicas em suas mãos, pois a cidade foi a principal fornecedora de aviões de guerra para o exército soviético durante a Segunda Guerra.

O estádio que receberá os jogos da Copa é a Arena Samara, com capacidade para 45 mil pessoas. Serão realizadas na cidade seis partidas, quatro pela fase de grupos, uma pelas oitavas e outra nas quartas. (ANSA)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here