Schweinsteiger não culpa Mourinho por de ter sido afastado do elenco principal do Manchester United

O meia alemão Bastian Schweinsteiger falou à ESPN dos Estados Unidos e comentou sobre os seus últimos meses no Manchester United, da Inglaterra. Atualmente no Chicago Fire, o jogador destacou que não concordou com a maneira como foi tratado na Europa quando chegou a treinar em separado do time principal.

“Ao meu ver não era a posição correta, mas alguma vezes na vida acontece esse tipo de situação, quando alguma coisa não está correta e certa no seu ponto de vista, mas é preciso aceitar, eu aceitei isso”, contou durante a entrevista.

O jogador passou três meses treinando sozinho e sem ter chances na equipe titular, o que o deixou bastante frustrado.

“Foi difícil, mas eu sempre acreditei nas coisas boas. E sempre foi um sonho jogar pelo Manchester United e ajudar o time. Eu estava dando o meu melhor nos treinos também”, afirmou Schweinsteiger, que garantiu estar em forma quando foi afastado.

O técnico José Mourinho foi muito responsabilizado pelo afastamento do alemão e também por sua saída do clube inglês. Mas para Schweinsteiger, Mourinho não foi culpado por sua situação no Manchester United.

“A decisão foi tomada por outra pessoa. Eu acho que depois que treinei e joguei foi possível ver como eu me comportei profissionalmente”, comentou.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*