Stroll responde críticos e diz que vaga na Williams foi conquistada com muito trabalho

O jovem canadense Lance Stroll sofreu algumas críticas quando debutou na Fórmula 1, guiando a Williams. Aos 18, ele virou aposta da equipe para substituir Valtteri Bottas, que acertou com a Mercedes. Como é filho de Lawrence Stroll, um bilionário que fez fortuna na indústria de roupas, o canadense acabou ficando marcado como um piloto de qualidade questionável, que só chegou à Fórmula 1 pelo dinheiro de seu pai.

No entanto, aos poucos Stroll vem conseguindo resultados mais consistentes na Williams e já começou a responder a alguns críticos de seu trabalho.

“Eu sei porque estou aqui e mereço estar. Eu fui o mais jovem campeão da F3 e fiz isso com grande vantagem. Trabalhei muito por isso. Agora, sou o estreante mais jovem a subir ao pódio na F1. E isso é uma grande conquista e acho que as pessoas que dizem que só consegui isso por causa do dinheiro estão erradas. Com esses resultados, e vendo os pontos, ainda estou no pelotão intermediário. Sempre teremos fins de semana bons e ruins, é assim que funciona. Mas eu mostrei que mereço estar na F1. Os resultados falam por si”, completou.

Para fortalecer seus argumentos de que é merecedor de estar na principal categoria do automobilismo, Stroll lembrou dos campeonatos que conquistou quando ainda disputava categorias inferiores.

“Eu ganhei campeonatos para chegar até aqui. Eu venci a F4, a F3 e consegui a superlicença. Você tem de alcançar resultados para chegar à F1. E eu tenho trabalhado duro por isso. Poderia ter ficado o tempo inteiro na última posição com todo o dinheiro do mundo, mas eu não fiz, e isso é o que importa para mim”, disse Stroll.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*