Técnico da Inter de Milão espera punição a Gabigol, que abandonou o banco de reservas

O atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol, tem tido muitas dificuldades para se firmar no elenco da Internazionale de Milão (ITA). Neste domingo (21), o jogador foi mais uma vez preterido pelo técnico Stefano Vecchi e ficou durante todo o jogo no banco de reserva, durante a vitória por 3 a 1 sobre a Lazio, fora de casa. Mas, desta vez, a insatisfação de Gabriel ficou nítida e o atleta simplesmente abandonou o banco de reservas com o jogo em andamento.

“Tenho certeza que o clube vai tomar uma providência, assim como já fez com alguns jogadores nos bastidores. Acho que para a próxima temporada nós precisamos resolver as pequenas coisas primeiro, começando pelo comportamento, e essa oportunidade surgiu para resolver problemas durante essa fase difícil”, disse Vecchi, cobrando uma punição ao brasileiro.

A Inter de Milão já teve três técnicos nessa temporada e quem mais aproveitou Gabigol foi Stefano Pioli. Até aqui, o brasileiro participou de apenas dez jogos (total de 184 minutos) e marcou um gol.

“Todos que estão no banco esperam para entrar, talvez ele tivesse outras expectativas, e elas eram altas da parte dele e da equipe. Mas nem sempre a culpa é do treinador. Ele tem grandes qualidades, mas deve se colocar a serviço do grupo”, completou Vecchi.

Joias Nativas

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

*