Telespectadores do DF deixam de ter sinal analógico de TV a partir de amanhã

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A partir da 0h desta sexta-feira (18), 1,25 milhão de domicílios no Distrito Federal e Entorno não receberão mais o sinal analógico de televisão, apenas o sinal digital. A portaria determinando que as emissoras de televisão desliguem o sinal analógico foi assinada na tarde de hoje (17) pelo ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab. Nos próximos 30 dias, os canais analógicos exibirão uma mensagem informando sobre a migração.

O ministro disse que a experiência de Brasília será fundamental para a próxima etapa de desligamento do sinal analógico, prevista para março do ano que vem, em São Paulo. Segundo ele, a prioridade do governo será realizar o desligamento do sinal analógico em São Paulo o mais breve possível. “Brasília servirá de piloto para o que será feito em todo o Brasil. Aqui foram encontradas as mais diversas experiências, que vão ser de fundamental importância para o projeto de São Paulo”, afirmou.

Kassab disse que o governo vai editar uma portaria determinando que os critérios e procedimentos para a migração do sinal sejam aperfeiçoados com base na experiência de Brasília. Uma das possibilidades, segundo ele, é alterar os critérios de pesquisa para determinar quantas pessoas já têm acesso ao sinal digital para que seja feito o desligamento.

Segundo pesquisa feita pelo Grupo de Implantação da TV Digital (Gired), no Distrito Federal 93% dos domicílios estão preparados para receber o sinal digital, ou seja, têm televisores com conversores e antenas para captar o sinal. Esse é o número mínimo exigido pela portaria que instituiu a implantação do sinal digital no país

O presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Juarez Quadros, lembrou que, com o desligamento do sinal analógico, a faixa de frequência usada atualmente pelas emissoras de televisão será liberada para ser usada pelas empresas de telefonia celular para a oferta do serviço de internet móvel de quarta geração (4G).

O cronograma de implantação do sinal digital de TV prevê que todas as cidades do país deverão receber apenas o sinal digital até dezembro de 2018. A primeira cidade que teve o sinal analógico desligado foi Rio Verde, em Goiás, em fevereiro deste ano.

Para conseguir captar o sinal digital, os telespectadores deverão instalar uma antena apropriada, preferencialmente externa. Se o televisor for antigo, será preciso instalar um conversor de TV digital. A maioria dos modelos mais novos de TV, com tela fina (plasma, LCD, LED) já vêm com o conversor de TV digital integrado.

As famílias de baixa renda inscritas no Cadastro Único dos programas sociais do governo federal têm direito a receber de graça um kit com antena e conversor digital. No Distrito Federal, foram entregues 311 mil kits, o que representa 83% do total de famílias cadastradas na região. Segundo a Anatel, a distribuição de kits vai continuar sendo feita nos próximos 45 dias.

Além de Brasília, o sinal analógico será desligado em nove cidades do Entorno do Distrito Federal: Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Cristalina, Formosa, Luziânia, Novo Gama, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso de Goiás.

Agência Brasil

Deixe uma resposta