Victor Luis valoriza concentração do elenco no Cefat

Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.
Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo.

Unidos no objetivo de classificar o Botafogo para a Libertadores de 2017, os jogadores alvinegros estão concentrados no Cefat (Centro de Formação de Atletas), em Niterói, aonde ficam até esta sexta-feira (25), véspera da partida diante da Ponte Preta, na Arena Botafogo, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Apesar da concentração de três dias, os jogadores enxergaram esse momento como o sacrifício final para terminar de maneira positiva a temporada. Já são quatro jogos sem balançar as redes e, consequentemente, sem vencer. A situação ameaça uma classificação para a Libertadores. 

“É um momento positivo para nós (a concentração no Cefat). Todos ficam mais próximos, convivendo juntos, alimentação correta, dormindo cedo. É extremamente positivo. Todo mundo entendeu. É um sacrifício que temos que fazer. Um sacrifício bom”, disse Victor Luis, entendendo o planejamento que foi traçado.

“Essa vaga na Libertadores é algo que estamos buscando, depende de nós. Esse sacrifício vale a pena por isso. Todos vão ser lembrados no Botafogo por isso”, finalizou o lateral.

Com as atividades sendo fechadas a imprensa, Jair Ventura segue fazendo mistério sobre a escalação que vai mandar a campo contra a Ponte Preta. Mas ele contará com os retornos de Airton, Bruno Silva e Victor Luis. No entanto, Joel Carli, Emerson Silva, Fernandes, Leandrinho e Alemão estão fora da partida.

Deixe uma resposta